09 abril, 2009

Crise à mesa


E é notícia. A crise começa a afectar as escolhas à mesa! Os alimentos mais preferidos em tempo de crise são os enlatados, o arroz e os ovos.
Depois da crise sentida nas farmácias, chegou a vez dos supermercados sofrerem com a falta de dinheiro dos portugueses.
Pena é que só em tempo de crise alguns se lembrem de comprar arroz simples, em vez de basmati. Já vi em Espanha um arroz negro, cujo quilo custava quase 10 euros... Pensei... Será que algum louco compra isto? Com tanta gente a morrer à fome, 10 euros por 1 quilo de arroz é um atentado.
Até compreendo que caso este arroz "gourmet" seja cultivado nos montes asiáticos, onde o sol se põe num ângulo que permite que esta iguaria seja divinal, se pague um preço superior.
O que não compreendo é pagarmos mais de 1 euro por óleo e azeite. Seja já difícil encontrar 1 quilo de arroz abaixo dos 80 cêntimos o quilo. O leite, aquele bem essencial que sempre nos foi aconselhado tomar desde criança, custa acima de 50 cêntimos.

Eu sou daquelas pessoas picuinhas, que quando vai às compras compara todos os produtos e está atenta às promoções dos produtos que me interessam. Ainda ontem comprei arroz agulha (sim, o agulha é mais caro que o carolino...) a 49 cêntimos! Estava em promoção... Trouxe logo 2 quilos.
O mais barato que lá estava custava 99, praticamente o dobro. E falo de marcas chamadas "brancas"... Ai ai... a crise...

1 comentário:

O meu olhar disse...

Olá! tudo bem?
Vinha pedir-te que visitasses o meu blog www.tudoquesefaz.com e se pudesses contribuísses na campanha que estou a organizar! A divulgação também é uma grande ajuda!
Muito obrigada!
Um óptimo fim-de-semana
www.tudoquesefaz.com